Como é feito o diagnóstico da endometriose?

12/06/2012 14:52

O primeiro passo para o diagnóstico da endometriose é a queixa clinica da paciente seguido do exame físico com uma atenção especial ao Exame de Toque, que pode ser fundamental no diagnóstico da endometriose profunda.

No segundo passo entram os exames específicos:

CA 125: Trata-se de um exame de laboratório, colhido no primeiro ou segundo dia do ciclo menstrual, pode ser útil no auxilio do diagnóstico da endometriose em estágio avançado. Vale lembrar que mesmo o exame dando valores normais não descarta a doença

 

 

 

Ultrassonografia Endovaginal Especializado: Não é uma ultrasson endovaginal normal. É um exame especializado, onde infelizmente poucos profissionais estão aptos a realizarem. A paciente realiza uma limpeza intestinal para facilitar a visualização durante o exame.

 

 

 

Ressonância Magnética da pelve: É utilizado um contrate anal e vaginal para facilitar a visualização das lesões. 

 

Colonoscopia: Recomenda-se caso apresente nos exames anteriores a presença de endometriose profunda. O objetivo deste exame é avaliar as lesões que penetram para o interior do intestino

 
 

Laparoscopia: É tido como o “padrão ouro” para o diagnóstico da doença, somente pela laparoscopia pode-se realizar a retirada de material para biópsia. A laparoscopia é a manipulação da cavidade abdominal por instrumento de ótica e instrumentos cirúrgicos que são introduzidos através de pequenos orifícios no abdome. É um procedimento cirúrgico realizado com anestesia geral. 

 

 

Pesquisa e Edição: Lívia Lorenzini Lazarini

Publicação: Endometriose Brasil

Nosso email: contato@endometriosebrasil.com.br